* life style * beleza * moda * casamento * maternidade * viagens e cultura pop*

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Compensa fazer compras em Cancún?


Foto primeiro dia de compras (instagram @alinealarcao)

Oi, bellas!!! A intenção é que este seja um post rápido, será que consigo?! Rs...

Como falei para vocês no primeiro post sobre Cancún, nós fizemos conexão no Panamá tanto na ida quanto na volta. Por causa dessa conexão resolvi escrever esse post e contar o que compensa comprar em Cancún e o que vale a pena comprar no Duty Free do Panamá.

Todo mundo fala que o Duty Free do Panamá é ótimo e tal. Realmente é, mas nada que seja tão diferente do que encontramos em Cancún.

Ao contrário do que a maioria pensa, os preços de Cancún são bem parecidos com os praticados no Dutty Free do Panamá, sem contar que em Cancún há várias lojas que participam do Taxback, ou seja, parte do imposto que é pago nas compras em Cancún é restituído depois (mais informações aqui).

O que isso quer dizer? Quer dizer que há coisas que ficam relativamente mais baratas se compradas em Cancún do que no próprio Duty Free do Panamá.  Quer um exemplo? Em Cancún comprei batons da Mac por 16 dólares, no Dutty free do Panamá custava 15 dólares, mas na loja da Mac há taxback, ou seja, 6% do preço pago em imposto é restituído. O batom na Mac em Cancún saiu por 15,04 dólares.

Qual a vantagem em comprar em Cancún então? Achei em Cancún as cores mais badaladas da Mac e que estavam em falta no aeroporto do Panamá. O mesmo aconteceu com os pincéis de maquiagem. O duo fibre 187 (gente, esse pincel é tudo!!! depois conto aqui porque vale a pena ter um!!!) estava em falta no Panamá. Por sorte comprei em Cancún! Entenderam?! A diferença é pouca, mas não vale a pena correr o risco de deixar para comprar no Duty Free e acabar ficando sem.

Quem me conhece sabe que fiz uma lista enorme de coisas para comprar (costumo fazer uma lista para não esquecer de nada. Isso facilita muito! Torna a compra rápida e a gente aproveita melhor o tempo)  Pois bem,  achei e comprei tudo o que estava na minha listinha em Cancún. Para não dizer que não comprei nada no Duty Free, comprei esmalte Chanel e muitos chocolates.

Em Cancún compramos tenis com preço excelente. Compramos Nike Vomero 8 (que na época nem estava vendendo aqui ainda) que aqui custa R$ 500, por 117 Dólares. O único que não encontramos lá, porque estava esgotado, foi o Kinsei 4 da Asics, mas, por sorte, encontramos no Duty Free do Panamá. Aqui o tenis custa R$ 800. No Panamá pagamos 189 dólares.

Outra coisa que compensa comprar em Cancún são os relógios. Encontramos todas as marcas. Comprei relógios Michael Kors (nosso queridinho ever) com preços ótimos (melhores que no Duty Free do Panamá). É claro que depende do modelo, mas em Cancún há várias lojas de relógios e as opções de modelo são bem maiores que no Duty Free. Para vocês terem uma noção, em um dos modelos que comprei, dourado com detalhe em madrepérola, paguei 286 dólares, já com taxback. Aqui no Brasil o mesmo modelo custa R$ 1490. O mesmo vale para óculos! Comprei Roberto Cavalli e Burberry com  ótimos preços. Meu marido arrematou modelos da Prada e da Ockley .

Os perfumes também tem o mesmo preço do Duty Free. O mesmo vale para cremes VS.

Cancún é ótimo para comprar produtos de beleza. Comprei em Cancún os 3 passos da Clinique e mais alguns creminhos, mais barato que no Panamá. Também comprei Lancôme,  YSL, e Clarins com ótimos preços.

Meu marido comprou recarga para caneta Montblanc no Duty Free do Panamá por 10 dólares. Não procuramos em Cancún porque esquecemos, mas o preço do Duty Free compensou.

Também compramos roupas com preço legal em Cancún (Calvin Klein, Diesel, Puma, Quicksilver...).

Sem contar as promoções. Na loja da Nike, por exemplo, na compra de dois produtos, o terceiro era de graça.

O que eu quero dizer com isso é que dá para fazer boas compras em Cancún. Como em todo lugar, há coisas que compensam e outras não. Depende do que você está procurando.

Vale dizer que em Cancún as lojas, em sua maioria, aceitam dólar. O câmbio utilizado varia entre 11 a 12 pesos mexicanos por dólar americano (preço praticado em maio de 2013).

Procure levar dinheiro trocado. Há lojas, como a Nike, por exemplo, que não aceitam notas de 100 dólares.

Li muito sobre as lojas antes de viajar, mas o melhor é sair pesquisando, olhar tudo com calma...

Como os preços são, sem dúvida, muito melhores que no Brasil, aproveite para tirar pelo menos um dia  para as compras (e cuidado para não estourar o cartão de crédito!!!).

bjo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Compensa fazer compras em Cancún?


Foto primeiro dia de compras (instagram @alinealarcao)

Oi, bellas!!! A intenção é que este seja um post rápido, será que consigo?! Rs...

Como falei para vocês no primeiro post sobre Cancún, nós fizemos conexão no Panamá tanto na ida quanto na volta. Por causa dessa conexão resolvi escrever esse post e contar o que compensa comprar em Cancún e o que vale a pena comprar no Duty Free do Panamá.

Todo mundo fala que o Duty Free do Panamá é ótimo e tal. Realmente é, mas nada que seja tão diferente do que encontramos em Cancún.

Ao contrário do que a maioria pensa, os preços de Cancún são bem parecidos com os praticados no Dutty Free do Panamá, sem contar que em Cancún há várias lojas que participam do Taxback, ou seja, parte do imposto que é pago nas compras em Cancún é restituído depois (mais informações aqui).

O que isso quer dizer? Quer dizer que há coisas que ficam relativamente mais baratas se compradas em Cancún do que no próprio Duty Free do Panamá.  Quer um exemplo? Em Cancún comprei batons da Mac por 16 dólares, no Dutty free do Panamá custava 15 dólares, mas na loja da Mac há taxback, ou seja, 6% do preço pago em imposto é restituído. O batom na Mac em Cancún saiu por 15,04 dólares.

Qual a vantagem em comprar em Cancún então? Achei em Cancún as cores mais badaladas da Mac e que estavam em falta no aeroporto do Panamá. O mesmo aconteceu com os pincéis de maquiagem. O duo fibre 187 (gente, esse pincel é tudo!!! depois conto aqui porque vale a pena ter um!!!) estava em falta no Panamá. Por sorte comprei em Cancún! Entenderam?! A diferença é pouca, mas não vale a pena correr o risco de deixar para comprar no Duty Free e acabar ficando sem.

Quem me conhece sabe que fiz uma lista enorme de coisas para comprar (costumo fazer uma lista para não esquecer de nada. Isso facilita muito! Torna a compra rápida e a gente aproveita melhor o tempo)  Pois bem,  achei e comprei tudo o que estava na minha listinha em Cancún. Para não dizer que não comprei nada no Duty Free, comprei esmalte Chanel e muitos chocolates.

Em Cancún compramos tenis com preço excelente. Compramos Nike Vomero 8 (que na época nem estava vendendo aqui ainda) que aqui custa R$ 500, por 117 Dólares. O único que não encontramos lá, porque estava esgotado, foi o Kinsei 4 da Asics, mas, por sorte, encontramos no Duty Free do Panamá. Aqui o tenis custa R$ 800. No Panamá pagamos 189 dólares.

Outra coisa que compensa comprar em Cancún são os relógios. Encontramos todas as marcas. Comprei relógios Michael Kors (nosso queridinho ever) com preços ótimos (melhores que no Duty Free do Panamá). É claro que depende do modelo, mas em Cancún há várias lojas de relógios e as opções de modelo são bem maiores que no Duty Free. Para vocês terem uma noção, em um dos modelos que comprei, dourado com detalhe em madrepérola, paguei 286 dólares, já com taxback. Aqui no Brasil o mesmo modelo custa R$ 1490. O mesmo vale para óculos! Comprei Roberto Cavalli e Burberry com  ótimos preços. Meu marido arrematou modelos da Prada e da Ockley .

Os perfumes também tem o mesmo preço do Duty Free. O mesmo vale para cremes VS.

Cancún é ótimo para comprar produtos de beleza. Comprei em Cancún os 3 passos da Clinique e mais alguns creminhos, mais barato que no Panamá. Também comprei Lancôme,  YSL, e Clarins com ótimos preços.

Meu marido comprou recarga para caneta Montblanc no Duty Free do Panamá por 10 dólares. Não procuramos em Cancún porque esquecemos, mas o preço do Duty Free compensou.

Também compramos roupas com preço legal em Cancún (Calvin Klein, Diesel, Puma, Quicksilver...).

Sem contar as promoções. Na loja da Nike, por exemplo, na compra de dois produtos, o terceiro era de graça.

O que eu quero dizer com isso é que dá para fazer boas compras em Cancún. Como em todo lugar, há coisas que compensam e outras não. Depende do que você está procurando.

Vale dizer que em Cancún as lojas, em sua maioria, aceitam dólar. O câmbio utilizado varia entre 11 a 12 pesos mexicanos por dólar americano (preço praticado em maio de 2013).

Procure levar dinheiro trocado. Há lojas, como a Nike, por exemplo, que não aceitam notas de 100 dólares.

Li muito sobre as lojas antes de viajar, mas o melhor é sair pesquisando, olhar tudo com calma...

Como os preços são, sem dúvida, muito melhores que no Brasil, aproveite para tirar pelo menos um dia  para as compras (e cuidado para não estourar o cartão de crédito!!!).

bjo